2.º Intercâmbio – Turquia

O 2º intercâmbio decorreu de 10 a 15 de Janeiro em Istambul, Turquia. As alunas participaram num workshop – como fazer um porta-chaves de latas de refrigerante – visitaram um centro de reciclagem de baterias de telemóveis e componentes electrónicos, criaram posters reaproveitando plástico e debateram as medidas sustentáveis adoptadas pelos fabricantes de telemóveis como a Apple, Samsung, Huawei e Xiaomin.

Houve ainda lugar a contactos culturais, através de visitas a locais emblemáticos da cidade, gastronómicos e interacções com todos os participantes no projecto.

Professora: Mª Fátima Gonçalves

Texto da Diana Pocinho

Uma semana foi o tempo que durou uma curta mas inesquecível viagem que ficará para sempre no meu coração. No dia 9 de Janeiro aterrámos em Istambul a partir daí veio uma enorme bola de novas experiências. Não só me deparei com uma realidade totalmente diferente da nossa, como também tive a oportunidade de conhecer pessoas que nunca mais esquecerei, com as quais fiz amizade e com quem mantenho e espero manter o contacto. Dia 15 de Janeiro tivemos, com alguma dor no coração, de voltar para o nosso Portugal, mas pelo menos voltámos com bastantes histórias para contar e momentos felizes para recordar.

Texto da Laura Henriques

Istambul, para mim, estará sempre associada a um projeto que me proporcionou uma vivência única.

Em 5 dias aprendi sobre uma realidade diferente da nossa. Os costumes, considerados estranhos no começo, já se tornavam rotina depois de algum tempo, pelo que fiquei surpreendida por não acordar com o som da mesquita às 7h da manhã. Além disso, visitar a cidade com um ambiente repleto de cheiros, cores, sons, pessoas e palavras às quais não estamos habituados é uma sensação singular.

Ainda assim, a cidade não foi o que tornou esta viagem tão especial: as pessoas que conheci, e das quais vou guardar memórias, foram a cereja no topo do bolo e que tornaram esta experiência realmente inesquecível.

Texto da Inês Santos

Os dias de 9 a 15 de janeiro foram passados na Turquia, os quais foram uma nova e única experiência para recordar um dia mais tarde.

Para começar a semana (dia 9) ao chegarmos ao hotel todos os participantes do projeto foram amigáveis e hospitaleiros, como se pôde verificar durante o jantar e ao longo de toda a semana.

Os dias seguintes foram ocupados, mas cheios de diversão. Começámos por conhecer a escola (Toki Middle School Esenkent), os alunos e os professores turcos que nos receberam de braços abertos, fomos também conhecer uns ferreiros que nos possibilitaram a experiência de fazer um porta-chaves com o metal de latas de refrigerantes. Visitámos um centro de reciclagem de baterias, toners e luzes fluorescentes, percorremos o Aslan Park,  um Centro de Conservação Ex-situ, e até agora a viagem parece ter sido de divertimento e passeio, mas também trabalhámos ao realizarmos apresentações sobre reciclagem de baterias, conhecemos o ministro da educação e houve ainda lugar para um debate sobre marcas de telemóveis e, como depois de um dia de trabalho também é importante um bocado de alegria, fizemos uma pequena festa de aniversário.

Com a semana a acabar chegou o dia mais descontraído durante o qual fomos visitar o Palácio de Topkapı, a Hagia Sophia, o Grande Bazaar e para concluir o dia fizemos uma viagem de barco onde tivemos uma diferente perspetiva de Istambul e onde conseguimos ver a Europa e a Ásia ao mesmo tempo. Com isto tudo chegou o dia da despedida, a pior parte da viagem, mas esta despedida também serviu para finalizarmos uma grande viagem e uma ótima experiência.

Texto de Laura Ferro

O intercâmbio da Turquia foi um acontecimento muito importante, uma vez que, para além de podermos visitar a incrível cidade e conhecer melhor a sua história e cultura, fomos capazes de discutir assuntos importantes e relevantes para o nosso planeta.
O nosso trabalho incidiu no tema de “Waste Management”, mais precisamente nos centros de reciclagem presentes no nosso distrito e país e no processo e importância da reciclagem de baterias. Para complementar este tema fizemos um debate sobre a sustentabilidade nas marcas de telemóveis, onde ficamos com a Apple, diria a mais controversa, mas que, no entanto, é a mais avançada neste requisito. Para além disso e ainda envolvido no tema, visitamos um centro de reciclagem, o EXIT.COM, onde é feita a reciclagem de aparelhos tecnológicos como baterias e outros materiais como Luzes LED, tinteiros, etc.
Assim, em vez de estes materiais irem simplesmente para o lixo, são reaproveitados, nem que seja para fazer arte.

Esta experiência foi bastante elucidante pois, sendo países diferentes conseguimos perceber que coisas que são completamente normais para nós como a eficácia no tratamento de águas ou o facto de não termos de pagar pelas nossas vacinas são um problema em outros países deste projeto. Para além disso, a parte do convívio entre os alunos e professores foi algo que me agradou

PGlmcmFtZSB3aWR0aD0iMTAwJSIgaGVpZ2h0PSIxMDAlIiBzcmM9Imh0dHBzOi8vd3d3LnlvdXR1YmUuY29tL2VtYmVkL3FER0g0MVQ0Q3dNP2F1dG9wbGF5PTEiIGZyYW1lYm9yZGVyPSIwIiBhbGxvd2Z1bGxzY3JlZW4+PC9pZnJhbWU+
PGRpdiBzdHlsZT0id2lkdGg6IDY0MHB4OyIgY2xhc3M9IndwLXZpZGVvIj48IS0tW2lmIGx0IElFIDldPjxzY3JpcHQ+ZG9jdW1lbnQuY3JlYXRlRWxlbWVudCgndmlkZW8nKTs8L3NjcmlwdD48IVtlbmRpZl0tLT4KPHZpZGVvIGNsYXNzPSJ3cC12aWRlby1zaG9ydGNvZGUiIGlkPSJ2aWRlby0xMTEyMy0xIiB3aWR0aD0iNjQwIiBoZWlnaHQ9IjM2MCIgYXV0b3BsYXk9IjEiIHByZWxvYWQ9Im1ldGFkYXRhIiBjb250cm9scz0iY29udHJvbHMiPjxzb3VyY2UgdHlwZT0idmlkZW8vbXA0IiBzcmM9Imh0dHA6Ly9hZWNvbmRlaXhhLnB0L3dwLWNvbnRlbnQvdXBsb2Fkcy8yMDE3LzAzL09SQ0FNRU5UTy1QQVJUSUNJUEFUSVZPLm1wND9fPTEiIC8+PGEgaHJlZj0iaHR0cDovL2FlY29uZGVpeGEucHQvd3AtY29udGVudC91cGxvYWRzLzIwMTcvMDMvT1JDQU1FTlRPLVBBUlRJQ0lQQVRJVk8ubXA0Ij5odHRwOi8vYWVjb25kZWl4YS5wdC93cC1jb250ZW50L3VwbG9hZHMvMjAxNy8wMy9PUkNBTUVOVE8tUEFSVElDSVBBVElWTy5tcDQ8L2E+PC92aWRlbz48L2Rpdj4=
PGlmcmFtZSB3aWR0aD0iMTAwJSIgaGVpZ2h0PSIxMDAlIiBzcmM9Imh0dHBzOi8vd3d3LnlvdXR1YmUuY29tL2VtYmVkL3VEM2dVQ2J4TE5nP2F1dG9wbGF5PTEiIGZyYW1lYm9yZGVyPSIwIiBhbGxvd2Z1bGxzY3JlZW4+PC9pZnJhbWU+